Você está aqui:   Serviços   >   Notícias do TCE
Menos de 8% dos municípios mineiros não entregaram dados da Educação ao FNDE
11/04/2018

Creche Joanna de Ângelis, em Belo Horizonte (Foto: Karina Camargos Coutinho)Em dois meses, 466 municípios de Minas Gerais reverteram a sua situação de não entrega de informações ao Fundo Nacional de Desenvolvimento de Educação (FNDE) e enviaram dados sobre Educação pública por meio do Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação (Siope). Com isso, eles foram retirados do Cadastro Único de Convênios operacionalizado pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN) e estão aptos a receber recursos federais de convênios. Este número de entregas cresceu vertiginosamente de dois meses para cá. Em 7/2/2018, o Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG) publicou matéria com o número de municípios que ainda não tinham entregado nenhuma remessa ao FNDE: eram 532 municípios. Em pesquisa realizada hoje (11/4/2018), essa realidade mudou. O número baixou para 66 cidades apenas, o que representa 7,74% da cidades. Neste contexto, 466 municípios deixaram de ser inadimplentes e regularizaram a sua situação junto ao FNDE.

Ainda não entregaram os dados ao Fundo: Amparo da Serra, Antônio Prado de Minas, Bandeira do Sul, Belmiro Braga, Biquinhas, Bom Despacho, Caetanópolis, Caldas, Capim Branco, Caxambu, Coroaci, Desterro de Entre Rios, Dom Bosco, Esmeraldas, Faria Lemos, Florestal, Goianá, Igaratinga, Ilicínea, Inhaúma, Itabira, Itacarambi, Janaúba, Jesuânia, João Pinheiro, Lagoa Grande, Leandro Ferreira, Luminárias, Mariana, Marilac, Marmelópolis, Martinho Campos, Minas Novas, Moeda, Monte Sião, Montes Claros, Morada Nova de Minas, Nacip Raydan, Ninheira, Nova Belém, Paineiras, Passa Tempo, Perdigão, Pescador, Piau, Pingo-d’Água, Piraúba, Resende Costa, Riacho dos Machados, Ribeirão das Neves, Rio Acima, Rio Novo, Rio Preto, Romaria, São Gonçalo do Pará, São Gonçalo do Rio Abaixo, São João Evangelista, São José da Varginha, Senador José Bento, Serra da Saudade, Tapira, Ubá, Umburatiba, Vieiras e Virgolândia.


Karina Camargos Coutinho | Coordenadoria de Jornalismo e Redação

Notícias relacionadas:

Agora é minoria: pouco mais de 100 municípios ainda não regularizaram situação para receber recursos de convênios na educação

Números de entrega de dados ao FNDE cresceram, quase 90% dos municípios mineiros regularizaram sua situação

Mesmo com o risco de não receber recursos federais, 39 municípios mineiros ainda não enviaram nenhum dado ao FNDE

Municípios mineiros na corrida para a entrega das informações ao FNDE

Recursos de convênios podem ser bloqueados em 643 municípios mineiros que não enviaram dados ao FNDE

Falta de preenchimento de dados no sistema do FNDE compromete repasse de verbas federais à Educação